Bibliografia, exemplos e exercícios

EXEMPLOS E EXERCÍCIOS

Do que já apresentamos até aqui, conclui-se que o “caso” indica a função sintática da palavra na frase. Vejamos alguns exemplos. Analisemos a frase seguinte:

AQUILA VOLAT. (pronúncia: áquila vólat), Teremos:

aquila, ae – substantivo da 1a. Declinação (águia)

volat – 3a pessoa singular do verbo “volare” (voar). Tradução:

A ÁGUIA VOA. Note que, em latim, não há artigos, mas na tradução deve-se colocar. No caso, poderia ser também UMA ÁGUIA VOA, mas em algumas situações não se pode trocar o artigo sem causar algum conflito.

Agora, uma pergunta clássica: quem voa? Resposta: a águia, portanto, águia é sujeito e sendo sujeito, fica no caso nominativo.

Outro exemplo: AQUILAM HABEO. (pronúncia: áquilam hábeo), Teremos:

aquila, ae – substantivo da 1a. Declinação (águia)

habeo – 1a pessoa singular do verbo “habere” (ter). Tradução:

Eu tenho a águia (ou uma águia).

Agora, vamos às perguntas: 1 quem tem a águia? Resposta: eu (sujeito oculto); 2. o que eu tenho? Resposta: a águia (uma águia) (objeto direto do verbo ter). Portanto, sendo águia objeto direto, vai para o caso acusativo, mudando sua desinência ou terminação para “aquilam”.

Mais um exemplo: ALA AQUILÆ (=ALA AQUILAE) (pronúncia: ála áquileh). Coloquei este ‘h’ no final para lembrar que o ‘e’ não deve ser pronunciado como ‘i’. Teremos:

aquila, ae (explicado acima)

ala, ae – substantivo da 1a. Declinação (asa). Tradução:

A ASA DA ÁGUIA. A expressão “da águia” é um complemento restritivo de “asa”, regido pela preposição “de”. Por isso, fica no caso genitivo (aquilae), enquanto “ala” permanece no caso nominativo (forma original).

Examine agora a seguinte frase:

ALAM AQUILAE VIDEO. (pronúncia: álam áquileh vídeo).

Sendo “video” a 1a pessoa singular do verbo “videre” (ver), diremos que a tradução será:

EU VEJO A ASA DA ÁGUIA. Por que? Vamos às perguntas clássicas:

pergunta 1 – quem vê? Resposta: eu (sujeito oculto);

pergunta 2 – o que eu vejo? Resposta: a asa (objeto direto);

pergunta 3 – asa de quem? Resposta: da águia (complemento restritivo);

Portanto:

eu – sujeito oculto, pode até ser omitido na tradução;

asa – objeto direto, vai para o caso acusativo (alam);

da águia – complemento restritivo, vai para o caso genitivo (aquilae)

A título de fixação, proponho os seguintes exercícios inspirados nos exemplos acima:

Faça a tradução e a análise sintática das frases seguintes:

Habeo mensam et cathedram.

Rosa pulchra est.

Puella habet rosam pulchram.

Video puellam et rosam.

Avia puellae cantat.

Puella dat rosam aviae.

Historia magistra vitæ est.

Glossário auxiliar:

Substantivos – mensa (mesa), cathedra (cadeira), pulchra (bela), puella (garota), avia (avó), magistra (mestra);

Verbos – est (é), habet (tem), cantat (canta), dat (dá).

BIBLIOGRAFIA:

BERGE, Damião et alii, Ars Latina – Curso Prático da Língua Latina, Editora Vozes, 1986.

GARCIA, Janete M., Introdução à Teoria e Prática do Latim, Editora UnB, 1993.

ZENONI, G., Gramática Latina, Editorial Missões (Porto), 1954.

Fortaleza, 24.03.2002

4 pensamentos sobre “Bibliografia, exemplos e exercícios

  1. Dinah disse:

    Parabéns a todos que dedicaram seu tempo, talento e sabedoria para criar o “curso de latim”. Me foi de grande valia nesse momento e com certeza me acompanhará em todo processo de graduação. Muito obrigada!

  2. John disse:

    Tens plena certeza que es mesmo o autor genuíno do curso que ofereces pois pelo que me lembro bem achei esse curso no seguinte link:http://www.apostilagratis.com/2009/01/01/curso-de-latim/ se fores o autor, minha sinceras desculpas pelo incomodo, caso contrario tenha coerência. Muitissimo agradecido pela atenção. Adeus

    • hasgar disse:

      Olá! Em momento algum coloco-me como autor do curso mas, também não havia o autor da fonte de onde retirei este material (que é anterior também a este que você aponta).

  3. Ruben Marks disse:

    Muito obrigado pela partilha, que é de grande utilidade como iniciação.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s